Temporada de ninhos no Jardim Botânico


Tucano-de-bico-preto (Ramphastos vitellinus) no ninho

2 MIN, DE LEITURA

Alheias à polarização ideológica e aos discursos inflamados que vivenciamos recentemente com a disputa eleitoral, as aves iniciaram mais uma temporada de reprodução no Jardim Botânico do Rio de Janeiro. É sempre um momento especial poder presenciar sua luta diária mais básica por alimento e abrigo, sem qualquer viés ideológico ou disputa de vaidades.

Grande parte delas constrói seu ninho de forma artesanal, juntando com o bico restos de matéria orgânica como gravetos, folhas secas, barro, etc. Parte delas, contudo, não têm essa habilidade, e por isso precisam encontrar cavidades no próprio ambiente natural, como é o caso desse tucano que ilustra a matéria.

Esse registro fotográfico somente foi possível pela generosidade do colega de passarinhada Carlos Vieira, que teve a iniciativa de mostrar esse oco de árvore aparentemente vazio e sem vida, alertando que tinha avistado no início da manhã um Tucano-de-bico-preto em seu interior.

No instante em que apontou para a árvore, eis que, como mágica, surge o tucano, que intuía a presença de um Sagui à espreita e por isso colocou metade de seu corpo para fora do buraco, buscando marcar presença. Retornou ao interior poucos segundos depois.

Como estamos em plena primavera, ainda dá tempo de visitar as áreas verdes na tentativa de avistamentos como esse. A observação das aves, ao contrário da guerra ideológica travada diuturnamente nas mídias sociais, é atividade que somente evoca os melhores sentimentos humanos. Que tal experimentar?

Por Cristiano Pedras

(publicado em 05/11/2018)



Cadastre-se

* preenchimento obrigatório